Manual da Marca
A empresa Vendas Pós-vendas Peças Imprensa Contato
GTS do Brasil É mais Tecnologia
Máquinas Agrícolas

Logística de transporte de grãos exige boas carretas graneleiras






Os desafios do mundo do agronegócio são constantes e múltiplos. Um deles está relacionado a logística. O transporte de grãos é sempre uma problemática por diversos fatores, iniciando na propriedade, passando pelas condições de trafegabilidade nas estradas brasileiras, exigindo soluções seguras para evitar perda de produção. Antes de enfrentar filas nas rodovias, por exemplo, na hora da colheita o carregamento de grãos exige maquinário apropriado. Independentemente do tamanho da propriedade, as carretas graneleiras precisam estar presentes nessa fase do processo.

 

Praticidade e eficiência oferecidas ao produtor são aspectos indispensáveis a serem observados quando chegar o momento de comprar a carreta graneleira, seja qual for o tamanho. De acordo com o presidente da GTS do Brasil, Assis Strasser, um equipamento bem dimensionado aliado a uma boa colheitadeira representa até 50% a mais de produtividade. E como o agronegócio é responsável por uma fatia expressiva da balança comercial brasileira, um dado como esse não pode ser ignorado, assim como não pode ser desprezado o crescimento da rentabilidade do agricultor. Os benefícios coletivos e individual estão intimamente ligados.

 

A logística que envolve o escoamento da produção deve ser bem planejada, eliminando ao máximo os riscos. E é na fazenda que tudo começa. A melhoria do solo, a seleção de boas sementes, o plantio na época adequada e a adubagem correta não podem ser desperdiçados se, no momento de transportar os grãos, ocorrer prejuízos.

 

O produtor rural precisa ficar atento a especificações como número de eixos, aplicação, capacidade, tipo de descarga; se a sua necessidade é transportar da colheitadeira para o caminhão ou para o local onde a safra ficará armazenada temporariamente. Como o deslocamento é constante, outro cuidado é com a preservação do solo: o mau posicionamento do implemento pode causar prejuízo a médio prazo.

 

Descarregar velozmente o produto exige maquinário bem projetado. “As graneleiras devem ser ágeis e seguras em deslocamentos de até 30 km/h, possuírem centro gravitacional muito mais baixo e serem capazes de substituir duas carretas convencionais com a mesma capacidade de carga”, explica Assis.

 

Conheça a linha de carretas graneleiras e outros produtos da GTS do Brasil acessando: www.gtsdobrasil.ind.br.

Tags:
Categorias









Notícias mais lidas


GTS do Brasil tem cinco novidades em produtos

GTS do Brasil comemora 15 anos de inovação

Tecnologia para produzir o alimento do amanhã

Galeria



Veja também
Carretas Graneleiras GTS do Brasil: Solução em forma de tecnologia
GTS do Brasil recebe prêmio melhor Plataforma de Colheita
Waggon Floatside, a mais tecnológica carreta graneleira

Deixe seu comentário!


Comentários



GTS do Brasil. Todos os direitos reservados. NEWSLETTER